Plenário redefine número de candidatos que cada partido poderá registrar

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou, por 206 votos a 163, emenda do deputado Daniel Vilela (PMDB-GO) ao projeto de lei da minirreforma eleitoral (PL 5735/13) e mudou a quantidade de candidatos que cada partido poderá registrar em cargos preenchidos pelo sistema proporcional (vereador e deputados).

Atualmente, cabe ao partido definir o número de candidatos. Já o texto-base do relator da minirreforma, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), permitia que os partidos apresentassem candidatos em número equivalente a até 110% das vagas de cada cargo. A emenda prevê 150%.

Nas coligações, o texto do relator estipulava até 150% dos lugares a preencher. A emenda diminui para 100%.

Gastos de campanha
Os deputados já aprovaram o texto-base do Projeto de Lei 5735/13 e analisam agora as emendas e os destaques apresentados ao texto.

Está em análise, no momento, emenda do deputado Leonardo Picciani (PMDB-RJ) que especifica valores menores de gastos de campanha para os cargos de prefeito e de vereador em cidades com até 10 mil eleitores. Os valores máximos serão de R$ 100 mil para prefeito e de R$ 10 mil para vereador.

Fonte: Agência Câmara Notícias

Picture of Ondaweb Criação de sites

Ondaweb Criação de sites

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.

Cadastra-se para
receber nossa newsletter