Idoso morre após cair e ficar preso durante quatro dias dentro de buraco

Ferimentos nos pés do idoso podem ter sido causados por mordida de ratos.
Idoso ficou internado por vários dias após cair em buraco em São Vicente.

Um homem de 80 anos morreu após ter ficado quatro dias preso dentro de um buraco próximo as obras do Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT) em São Vicente, no litoral de São Paulo. Ele morreu nesta terça-feira (21) após ficar 10 dias internado no Hospital Municipal de São Vicente com traumatismo craniano, múltiplas lesões e desidratação.

De acordo com a polícia, Manoel Pereira da Silva era morador de São Vicente e saiu de casa no dia 7 de outubro para comprar ração. No caminho, o idoso caiu em uma vala em um terreno na Linha Amarela, próximo ao viaduto da avenida Antonio Emmerich, onde fica uma estação do VLT que está sendo construída.

No dia 9, a família do idoso registrou um boletim de ocorrência eletrônico por conta do desaparecimento. Quatro dias após o desaparecimento, ele foi encontrado por moradores dentro da vala. O Corpo de Bombeiros resgatou o idoso que já estava com várias escoriações pelo corpo. De acordo com testemunhas, alguns ferimentos nos pés do aposentado foram causados por mordidas de ratos.

Manoel foi internado no Hospital Municipal de São Vicente com cortes na perna, desidratado e com feridas nos pés. O idoso permaneceu internado no hospital e morreu nesta terça-feira. De acordo com o boletim de ocorrência feito pela família dele, Manoel teria morrido de traumatismo crânio encefálico, já que o aposentado bateu a cabeça na hora da queda no buraco.

Segundo a Secretaria de Saúde de São Vicente, Manoel Pereira da Silva morreu de desnutrição e desidratação. O órgão não confirma os relatos de que o aposentado teria sido mordido por ratos enquanto permaneceu no buraco.

Fonte: http://g1.globo.com/

Picture of Ondaweb Criação de sites

Ondaweb Criação de sites

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.

Cadastra-se para
receber nossa newsletter