Condenados os réus denunciados na Operação Gaudério

As penas aplicadas variaram de 3 anos e 6 meses e 17 anos e 9 meses

A 7ª Vara Federal de Porto Alegre condenou 10 réus denunciados pelo MPF/RS pela prática de crimes de tráfico internacional de drogas e associação para o tráfico na chamada Operação Gaudério.

A referida operação desarticulou uma organização criminosa que se dedicava ao tráfico internacional de drogas, com ramificações no Rio Grande do Sul e no Mato Grosso do Sul. O Chefe da organização, de apelido “Gaúcho”, coordenava de dentro do Presidio Central de Porto Alegre a compra, importação, transporte e distribuição de maconha, haxixe e cocaína na região metropolitana da capital gaúcha. Para tanto, contava com o apoio de comparsas que desempenhavam funções operacionais fora do presídio e tinha contatos com três núcleos de fornecedores internacionais de droga sediados em Ponta Porã, no Mato Grosso do Sul, fronteira com o Paraguai.

A denúncia foi oferecida em dezembro de 2013, contra 15 réus. No entanto, 5 deles se encontram foragidos, de sorte que a ação penal prosseguiu com relação a 10 acusados. No curso da operação foram realizados 5 flagrantes com a apreensão de 380 quilos de maconha e 4 quilos de cocaína.

As penas aplicadas variaram de 3 anos e 6 meses e 17 anos e 9 meses.

A ação penal nº 5071981-41.2013.404.7100 foi proposta pelo 2º ofício do Núcleo Criminal Especializado da Procuradoria da República no Rio Grande do Sul.

Fonte: http://www.prrs.mpf.mp.br/

Picture of Ondaweb Criação de sites

Ondaweb Criação de sites

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.

Cadastra-se para
receber nossa newsletter