A arte como o mais forte instrumento de luta pela existência – Vygostsky

Aloizio Pedersen, é artista plástico e responsável pelo projeto Artinclusão no AR7

 

Este o motivo do Artinclusão premiado pelo Fumproarte, no Edital “Porto Alegre Amanhã”, para ser realizado no AR7/FASC, abrigo que acolhe, emergencialmente, crianças e adolescentes em extrema vulnerabilidade, vítimas de abusos, e que ampara com a potente ferramenta da arte.

Para o psicólogo Vygotsky:

“A arte sinaliza para a educação do sensível no processo de construção psico-intelectual e emocional da criança, porque é um movimento de reflexão sobre o pensamento emotivo, que nos move à criação e recriação de todo o contexto macrossocial que as envolve. É instrumento pedagógico de percepção e aconchego da realidade e das frustrações. Portanto vejo a arte como construção humana.”

O método Artinclusão acrescenta ao métotodo sociointeracionista de Vygotsky, técnicas expressionistas que intercalam atividades de criação individual, que Vygotsky chama de “intra”- contato consigo mesmo, com criações coletivas, o que define como “inter”, a partir das inter-relações. Porque segundo esse autor a arte prescinde desses dois aspectos, que funcionam, integralmente, como princípio ordenador da mente humana.

Em um mês de projeto na Casa de Acolhimento AR7 já se observa uma verdadeira revolução na vida dos envolvidos e o vínculo que construíram com as atividades e com Pedersen. Para ele “ o que ganho de presente, desenhos que fazem durante a semana, que será motivo de uma postagem especial”.

Nas fotos flagrantes dos primeiros encontros, verifica-se o processo da arte trabalhando neles a conscientização psico-intelectual, emocional e social, potencializando-os para o enfrentamento de suas vidas e, em especial, das audiências judiciais que os esperam e que darão um norte para suas vidas.

Haja coração! Fortes e profundas emoções, que recebem a tranquilidade e leveza das cores, num ambiente de liberdade e tranquilidade! É magia! É iluminação! Arte como obra de salvamento!

 

Referências Bibligráficas:

A formação Social da mente.  L.S. Vigotski

A imaginação e a arte na infância.  Lev Semenovitch Vygotsky

Comentários

  • (will not be published)